terça-feira, junho 22, 2010

Este fim de semana rumamos ao Algarve, sedentos de fazer praia.
E sedentos ficamos porque não conseguimos fazer.Havia sol (mas a temperatura era relativamente baixa), havia mar, havia areia e havia VENTO, muito vento e mais persistente que nós.Que raiva, estava super desconfortável, tentamos e esforçamo-nos por ignorá-lo mas foi impossível.
Fiquei com humor de cão, e não aproveitei tudo o resto da melhor forma. Revelei a criança que há em mim com direito a birra,trombas gigantes e mau feitio, ele sem culpa nenhuma, levou com isto tudo ( se lês o blogue, que cada vez tenho mais a certeza que sim, fica aqui um pedido de desculpa ).
Fiquei com instinto assassino e a rogar pragas, porque quero apanhar uma corzinha, quero ficar com aquele dourado na pele que nos confere um ar saudável.
É pedir muito?

.

0 Comentários

 

Pesquisar neste blogue

Na Primeira Pessoa